18 Jul

Em matéria, Sakamoto destaca que a fome se torna mais frequente nas denúncias de escravidão contemporânea

Publicada em: 18/07/2022

Na reportagem de Leonardo Sakamoto “Fome se torna mais frequente nas denúncias de escravidão contemporânea” publicada no site UOL, no dia 14 de julho, relata que apesar da falta de alimento representar uma situação recorrente nos resgates, nos últimos anos, a situação se agravou.

É o que confirma o Auditor-Fiscal do Trabalho Maurício Krepsky, chefe da Divisão de Fiscalização para Erradicação do Trabalho Escravo (Detrae) do Ministério do Trabalho e Previdência, "temos constatado que tem sido mais comum casos em que trabalhadores, principalmente rurais, decidem fugir por fome". 

Leia a matéria da Uol na íntegra aqui.