21 Set

Às vésperas das eleições gerais, MCCE debate processo eleitoral e observatório geral

Publicada em: 21/09/2022

Por Solange Nunes
Edição: Andrea Bochi

Os integrantes do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), que o SINAIT integra, se reuniram e debateram processo eleitoral, observatório geral, entre outros temas, vinculados às eleições gerais que ocorrem no dia 2 de outubro de 2022. O diretor adjunto de Relações Intersindicais do SINAIT e diretor do Instituto Mosap, Benvindo Coutinho Soares, representou as duas entidades no encontro que ocorreu em formato híbrido – presencial e virtual – nesta quarta-feira, 21 de setembro.

O diretor do MCCE Luciano Santos reforçou que o movimento vem atuando nas eleições fiscalizando a integridade das várias etapas do processo eleitoral e para contribuir com a legitimidade das eleições. “Trabalhamos acompanhando o processo eleitoral, observando e denunciando as irregularidades das candidaturas”. 

Além disso, Luciano Santos explicou que o MCCE participa das eleições como integrante do Observatório de Transparência das Eleições (OTE), como organização credenciada para realizar Missões de Observação Eleitoral (MOE) e como entidade parceira do Programa de Enfrentamento à Desinformação.

Durante o debate dos temas, os participantes do movimento criticaram o processo eleitoral atual, questionaram a maneira estabelecida para a distribuição das verbas de campanha, mudanças eleitorais aprovadas pelo Congresso Nacional dias antes das eleições, os partidos eleitorais de aluguel, medidas e ações que desfavorecem um processo eleitoral mais transparente e digno.

De acordo com Benvindo Soares, que representou o SINAIT e o Instituto Mosap, a discussão sobre o processo eleitoral é pertinente e constante, inclusive, o Sindicato Nacional participa de várias frentes debatendo e defendendo um processo democrático e transparente. “Confiamos na lisura do processo eleitoral e esperamos que tudo corra bem, sem prejuízos para os cidadãos brasileiros”.