11 Set

PA: Sinait apresenta processo de estruturação do INAI ao Gaete em Marabá

Publicada em: 11/09/2017

Por Solange Nunes

Edição: Nilza Murari

Durante a reunião do Grupo de Articulação Interinstitucional para Erradicação do Trabalho Escravo - Gaete, Patrícia Costa, assessora especial do Sinait, apresentou os resultados do processo de estruturação do Instituto Ação Integrada - INAI. A reunião foi no dia 6 de setembro, na 2ª Vara do Trabalho de Marabá (PA).

Patrícia Costa demonstrou os resultados do planejamento estratégico do INAI, que foi dividido em duas etapas. Segundo ela, na primeira parte, houve coleta de informações e a reunião de visões e expectativas dos representantes do Movimento Ação Integrada - MAI e dos executores de iniciativas locais para o Instituto. “Na segunda etapa, a partir do que foi apreendido, foram definidos os direcionamentos estratégicos e resultados para os próximos três anos.”

Segundo a assessora especial do Sinait, o processo permitiu o mapeamento dos desafios compartilhados pelos diferentes atores envolvidos no combate ao trabalho escravo em diversos estados e, consequentemente, a proposição de linhas de atuação que permitam superá-los.

Na ocasião, Patrícia Costa apresentou o portal Trabalho escravo contemporâneo, criado pelo Sinait e lançado no dia 21 de agosto. Ela aproveitou para ressaltar a importância da contribuição de todos para o aperfeiçoamento do portal. “É mais uma ferramenta de combate ao trabalho escravo e contamos com a contribuição das entidades, órgãos civis e institucionais nesta luta”.

Histórico

O Gaete busca aperfeiçoar as ações de combate ao trabalho em condições análogas as de escravo com uma atuação operacional integrada de instituições públicas e de organizações da sociedade civil, aprimorando os mecanismos de prevenção, investigação e repressão dos ilícitos, além de ações destinadas ao resgate de trabalhadores.