16 Mai

RO: Sinait participa de reunião preparatória para criação da Coetrae

Publicada em: 16/05/2018

Por Solange Nunes

Edição: Nilza Murari

Os Auditores-Fiscais do Trabalho Cláudia Márcia de Sousa Ribeiro e Paulo César Lima representaram o Sinait em reunião do Grupo de Trabalho para criação da Comissão Estadual de Erradicação ao Trabalho Escravo – Coetrae/RO, no dia 15 de maio, no auditório do Ministério Público do Trabalho, em Porto Velho.

Os debatedores reforçaram a importância da parceria institucional para conseguir desenvolver novos projetos no Estado, como a instalação da Coetrae/RO.

Cláudia Márcia destacou o envolvimento do Sinait neste debate. “O Sindicato tem como objetivo principal a defesa das causas sociais, das minorias e dos direitos humanos, além das questões de classe”.

A Auditora-Fiscal do Trabalho contou um pouco da história da carreira com as lutas enfrentadas pelo Brasil. Lembrou que no dia 13 de maio o país completou 130 anos da abolição da escravatura. No entanto, na semana passada, uma equipe de Auditores-Fiscais resgatou 34 trabalhadores em condições análogas às de escravos. “É um país de contrastes e atuamos para proteger estes trabalhadores que laboram em situação adversa”.

Paulo Cézar reforçou as colocações de Cláudia Márcia ao apresentar imagens que registram situações frágeis e degradantes em que foram encontrados trabalhadores em vários pontos do país. “Infelizmente, nos deparamos com situações difíceis. Os trabalhadores são encontrados em ambientes sem água potável, sem comida, sem local para dormir dignamente”.

Para Cláudia Márcia e Paulo Cézar, a criação da Coetrae/RO representará mais um ponto de resistência na luta dos direitos sociais no país.

Participaram do evento Adriana Figueira, chefe da Inspeção do Trabalho na Superintendência Regional do Trabalho em Rondônia (SRT/RO); o procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho em Rondônia e Acre, Marcos Gomes Cutrim, entre outros representantes de órgãos públicos e da sociedade civil.