07 Jun

Na mídia: Imprensa divulga autuação da Auditoria-Fiscal do Trabalho a empresa de motofrete

Publicada em: 07/06/2018

Por Dâmares Vaz

Edição: Nilza Murari

Auditores-Fiscais do Trabalho da Superintendência Regional do Trabalho de São Paulo – SRT/SP autuaram nesta semana a empresa de aplicativo de motofrete Rapiddo, em fiscalização que comprovou irregularidades na contratação de 675 motociclistas. A Rapiddo é do mesmo grupo que controla os aplicativos iFood e Spoonrocket.

A Fiscalização do Trabalho expediu ao todo 14 autuações e duas notificações para a empresa. Foi constatada falta de reconhecimento do vínculo empregatício dos motociclistas, que não tinham as Carteiras de Trabalho assinadas. O recolhimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço – FGTS também não era feito. O empregador foi autuado ainda em razão da não observância das regras e cuidados com saúde e segurança no trabalho.

Somados todos os valores, a multa foi de quase R$ 1 milhão. A Rapiddo foi notificada e tem até o dia 19 de junho para regularizar a situação dos 675 motociclistas confirmados durante as investigações, sob pena de nova autuação.

 

Veja a divulgação da ação da Auditoria na imprensa:

Mobile Time – Auditor fiscal aponta as diferenças entre marketplaces e prestadores de serviço sob demanda

IG - Empresa de entregas recebe multa de R$ 1 milhão por não registrar motoboys

Folha de S. Paulo - Grupo do iFood é multado em R$ 1 mi por desrespeito às leis trabalhistas

Veja - Grupo dono do iFood é multado em R$ 1 mi por não registrar entregadores

Gazeta do Povo - Grupo do iFood é multado em R$ 1 milhão por desrespeito às leis trabalhistas

O Popular - iFood é multada em R$ 1 milhão por descumprir legislação trabalhista

Jornal da Região - Serviço de entregas por motoboy é multado pelo Ministério do Trabalho

ABC do ABC - IFood é multada por descumprir legislação trabalhista

Midiamax - Empresa que controla iFood é multada em R$ 1milhão por não cumprir legislação trabalhista

Baguete - Rapiddo leva multa de R$ 1 milhão