12 Jun

Reforma da Previdência: Mosap analisa estratégia para aprovação da emenda da entidade

Publicada em: 12/06/2019

Por Solange Nunes

Edição: Andrea Bochi

Os dirigentes do SINAIT Benvindo Soares, Hugo Moreira e Marco Aurélio Gonsalves participaram da reunião do Instituto Mosap - Movimento dos Servidores Públicos Aposentados e Pensionistas, nesta terça-feira, 11 de junho, no prédio sede do Mosap, em Brasília (DF). Na pauta, construção de estratégias para aprovação da emenda 150 da entidade à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 6-2019, reforma da Previdência.

O Mosap apresentou uma emenda assinada pelo deputado Júlio Delgado (PSB/MG) que suprime e modifica dispositivos à PEC 6-2019. O objetivo é acabar com o desconto da contribuição do servidor público aposentado. A PEC 6 recebeu no total 277 emendas.

De acordo com o diretor do SINAIT Marco Aurélio Gonsalves, a emenda 150 será analisada pela Comissão Especial. “A emenda recebeu 180 assinaturas de parlamentares confirmadas, quando eram necessárias apenas 171. Agora aguardamos a reunião da Comissão”.

Na quinta-feira, 13 de junho, a Comissão Especial irá reunir-se a partir das 9h30. A pauta da sessão é a discussão e votação do parecer do deputado, Samuel Moreira (PSDB/SP), relator da PEC 6.

Panorama geral

Durante a reunião do Mosap, os participantes conversaram com o jornalista e analista político Antônio Augusto de Queiroz, Toninho, sobre o panorama geral do Congresso Nacional. Ele reiterou os desafios da tramitação da matéria e reforçou a importância do trabalho parlamentar junto aos deputados e senadores nas bases.