09 Jul

Em reunião do Fonasefe, entidades debatem conjuntura e agenda de atividades

Publicada em: 09/07/2020

Por Solange Nunes

Edição: Nilza Murari

O diretor de Relações Intersindicais do SINAIT, Marco Aurélio Gonsalves, participou da reunião virtual com demais representantes de entidades do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais – Fonasefe, no dia 7 de julho. Na pauta, análise da conjuntura nacional, retorno ao trabalho dos servidores públicos em plena pandemia e agenda de lutas da categoria.

Os sindicalistas estão preocupados com a pressão do governo federal para o retorno ao trabalho presencial em plena curva crescente da contaminação da Covid-19 no país. Nesta quinta-feira, segundo dados oficiais do governo, são 68.055 mortos e 1.716.196 infectados. A reabertura de vários setores para atendimento direto como, por exemplo, o Instituto Nacional do Seguro Social – INSS pode agravar a curva e prejudicar um segmento sensível de trabalhadores acima de 60 anos.

Os sindicalistas analisaram ainda a reunião das entidades, no dia 3 de julho, com o representante da Secretaria de Gestão de Pessoas – SGP do Ministério da Economia – relembre aqui. Os sindicalistas avaliaram que o governo federal não apresenta nenhum tipo de inflexão para a negociação. Os integrantes do Fonasefe pretendem continuar dialogando em busca de soluções para dirimir prejuízos aos servidores públicos.

Informes

O representante do Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil – Sindireceita informou sobre um estudo realizado pela entidade que concluiu que a população adulta desocupada e na informalidade chega a 61 milhões de pessoas. O número atual divulgado pelo IBGE é de 13 milhões de desempregados. Acesse aqui o estudo. 

O representante do Sindicato dos Trabalhadores da Fiocruz – Asfoc disse que a entidade participou, com o apoio de mais de 40 entidades, do lançamento do Plano Nacional de Enfrentamento à Covid-19, no dia 3 de julho. A realização é das entidades da saúde coletiva da Frente pela Vida.

Os sindicalistas debateram ainda a importância de cobrar do Ministério da Saúde o fornecimento de Equipamentos de Proteção Individual – EPIs para os servidores que estão em trabalho nos Hospitais Federais, bem como aqueles que estão em campo, no combate às endemias, nas esferas de saúde nos Estados e municípios.

Agenda

Dias 16 e 17 de julho, a partir das 18h, ocorrerão lives para debater temáticas das entidades com tópico central “Seminário Nacional Virtual dos Servidores Públicos Federais”.  Mais informações em breve.