24 Mar

Líder do PSOL na Câmara, deputado Guilherme Boulos defende concurso para Auditor-Fiscal do Trabalho

Publicada em: 24/03/2023

Ao comentar os recentes casos de trabalhadores resgatados da escravidão, o parlamentar apontou que o déficit de Auditores prejudica o combate ao trabalho escravo no país

Por Dâmares Vaz
Edição: Andrea Bochi 

O deputado Guilherme Boulos (SP, líder do PSOL na Câmara dos Deputados) apontou que o grave déficit de Auditores-Fiscais do Trabalho traz enormes dificuldades e prejuízos ao combate ao trabalho escravo no país. Ele fez um pronunciamento no Plenário da Câmara no dia 22 de março, no tempo destinado às lideranças, em que comentou ainda os recentes casos de trabalhadores resgatados em condições análogas à escravidão, nos estados de Goiás, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

“Situações como essa, nós sabemos, são recorrentes no Brasil, até porque a fiscalização do trabalho neste País foi sendo desmontada. Metade dos cargos de fiscal do trabalho está vazia neste momento no Brasil”, afirmou. “Nós precisamos, presidente [da mesa], de medidas como a contratação de fiscais para ocupar esses cargos que hoje estão vagos, pois isso está precarizando a fiscalização do trabalho análogo à escravidão”, acrescentou.

O pronunciamento pode ser assistido na íntegra aqui.